Preços do leite pagos ao produtor no mês de Setembro/20, segundo Cepea Preços do leite pagos ao produtor no mês de Setembro/20, segundo Cepea

30-09-2020 14:01:01 - Por: Cepea-Esalq/USP

Preços pagos ao produtor referentes ao leite entregue em Agosto.

Preços do leite pagos ao produtor no mês de Setembro/20, segundo Cepea
O preço do leite captado em agosto e pago ao produtor em setembro aumentou 9,7% frente ao mês anterior (ou 18 centavos) e chegou a R$ 2,1319/litro na “Média Brasil” líquida, renovando, portanto, o recorde real da série histórica do Cepea (Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada). Assim, o preço médio deste mês está 51,4% superior ao registrado em setembro do ano passado, em termos reais (dados deflacionados pelo IPCA de agosto/20).

De acordo com pesquisas do Cepea, o preço do leite no campo registra alta acumulada de 56,4% desde o início deste ano. Essa expressiva valorização é explicada pela maior concorrência das indústrias de laticínios pela compra de matéria-prima, já que a produção de leite segue limitada.  Mesmo com os preços do leite elevados, a produção tem crescido pouco em relação à demanda e o Índice de Captação de Leite do Cepea (ICAP-L) registrou avanço de 3,9% de julho para agosto.


Cotações de leite cru - Preços pagos pelos laticínios e recebidos pelos produtores (líquido) em Setembro/20 referentes ao leite entregue em Agosto/20 nos estados que compõem e não compõem a “Média Brasil”.

Dados deflacionados pelo IPCA de Agosto de 2020.

A “Média Brasil” líquida contém os preços de BA, GO, MG, SP, PR, SC e RS ponderados pelos seus respectivos volumes de negociação, sem considerar frete ou impostos. Demais estados RJ, ES, MS, CE e PE não estão incluídos na “Média Brasil”.