Demandas por soluções inovadoras no campo para grãos e bovinocultura

02-12-2019 13:13:08 - Por: Embrapa

O evento é coordenado pelo Senar, Senar/MS e Softex.

"Levantamento de problemáticas dos produtores rurais  da região da Grande Dourados". Este é o nome do evento do qual a Embrapa Agropecuária Oeste faz parte como parceira, hoje dia 2 de dezembro, segunda-feira. Para a Unidade da Embrapa, essa é uma oportunidade de identificar as "dores" dos produtores rurais de Mato Grosso do Sul e apresentar tanto as soluções já existentes quanto propor novas. Representando a Embrapa, de Dourados, estão presentes Mary Sunakozawa, analista fo Núcleo de Desenvolvimento Institucional, Carmen Pezarico, supervisora do Setor de Prospecção e Avalição de Tecnologias, e Walmor Saldanha, analista desse mesmo setor.

Etapas

O evento é coordenado pelo Senar, Senar/MS e Softex e faz parte do Projeto AgroUp, Rede Nacional de Inovação para Agricultura e Pecuária, no qual acadêmicos de Tecnologia da informação vão propor soluções tecnológicas as problemáticas levantadas nos dias 6, 7 e 8 de dezembro.

A primeira etapa, no dia 2 de dezembro, no Sindicato Rural, está sendo realizada por Rodrigo Scalabrini (Senar/MS), coordenador de escritório da AgroUp, e por Ana Lina Farias da Softex, coordenadora de comunidade da AgroUp. Participam da dinâmica produtores rurais,  técnicos e representantes de centros de pesquisa.

"Estamos felizes problema presença da Embrapa nesta reunião, que já yem produzido soluções tecnológicas. Também estão oferecendo produtos inivadores são startups,  universidades e outras instituições", diz Scalabrini. 

Grãos e bovinos

O trabalho está sendo feito em bovinocultura de corte e de grãos nos Estados de Mato Grosso do Sul,  Rondônia,  Bahia, Minas Gerais e Rio Grande do Sul.  Em MS, o trabalho acontece em Dourados,  Maracaju (grãos), São Gabriel do Oeste, Ribas do Rio Pardo e Aquidauana (bovinocultura de corte). 

Depois de levantadas as demandas apontadas pelos produtores e técnicos no dia 2, em Dourados, o evento vai para a próxima etapa, dias 6, 7 e 8 de dezembro. Acadêmicos de Tecnologia da Informação (TI) que se inscreveram vão buscar soluções inovadoras para os problemas compatibilizados. Entre os gargalos apontados está a irrigação: energia cara e legislação ambiental/outorga.

Vagner Salazar, analista de TI,  e Claudio Lazzarotto, pesquisador e profissional de transferência de tecnologia, estão entre os mentores dos participantes. Ambos são da Embrapa Agropecuária Oeste. Um dos jurados do evento, será o Chefe-Geral da Embrapa Pecuária Oeste, Guilherme Lafourcade Asmus.